Pedofilia, Homossexualismo e Mídia

27 04 2010

No post anterior recebemos algumas mensagem de pessoas desinformadas com relação ao problema da Pedofilia. Por isso resolvemos postar mais informações importantes sobre o tema. Aqui vão algumas:

O Secretário de Estado do Vaticano, Cardeal Tarcísio Bertone, abriu o verbo e falou a verdade que os críticos e a Mídia querem esconder: o problema é o homossexualismo, não é a pedofilia. O que tem provocado essa onda de pedofilia entre sacerdotes infiéis (onda que não chega a ser um tsunami, mas que a mídia mórbida noticia como se fosse). A igreja PROÍBE a admissão de homossexuais nos seminários, e possui até uma Instrução ordenando a não-admissão de candidatos com tendências homossexuais nos seminários e ao sacerdócio. Mas infelizmente a negligência de muitos Reitores de Seminários levou à admissão de seminaristas com tais tendências, o resultado: homossexuais que se tornaram sacerdotes. A declaração do Cardeal Bertone, que afirmou: o problema é o homossexualismo, não é a pedofilia, como já era de se esperar, a Mídia anti-católica que favorece o ativismo gay, veio como uma besta fera contra as palavras do Cardeal Bertone, é isso ai, a verdade dói.

Mas como a mentira por si só se destrói e a verdade se impõe contra tudo e todos por sua própria força, foi a própria Mídia que ratificou o Cardeal Bertone: o SBT, que também tem entrado na campanha de aproveitamento do pecado alheio e difamação da Igreja Católica, transmitiu para todo o Brasil o interrogatório de um dos padres acusados de pedofilia em Arapiraca (Alagoas), o Pe. Edílson Duarte, pelo Senador Magno Malta (PR-ES), onde o padre confessou a origem de suas práticas pedófilas: é homossexual!

Confessou, assim, o que o Cardeal Bertone já denunciara: o problema é o homossexualismo entre sacerdotes, não a pedofilia; a pedofilia é provocada pelas tendências e práticas homossexuais; e, no caso de Arapiraca, bem como na maioria dos casos de pedofilia noticiados, a relação foi uma relação homossexual, entre homem e homem. Para se ter uma idéia, 81 % dos casos noticiados nos EUA de 1950 a 2002 eram de relações entre homens e homens, portanto, homossexuais.

Não dá para entender como os críticos da Igreja tanto se horrorizam com a pedofilia mas defendem o ativismo gay, a união civil de “duplas homossexuais” e a adoção de crianças por parte destas duplas – adoção que abriria porta a mais abusos. E como já sabemos, as pesquisas mostram que 90% dos casos de Pedofilia acontecem dentro de casa, são pais, padrastos e outros parentes que abusam das crianças, mas a Mídia mostra tanto os casos de sacerdotes que se envolveram em casos de pedofilia, que se passa uma imagem totalmente distorcida, dando a entender que a maioria dos casos envolve sacerdotes, enquanto que os números mostram o contrário. O problema ai é que a mídia não está comprometida com a verdade. Cuidado pais, a mídia não está preocupada com seus filhos, eles querem é defamar a igreja, porque isso dá IBOPE. Cuidado, porque o verdadeiro perigo está dentro de casa.

Não confiem na grande mídia. É perigoso.  Querem um exemplo, a uns meses só se falava de gripe A1N1, a mídia não tinha outro assunto. Hoje as capas de jornais e revistas falam nada ou quase nada sobre esse assunto importantíssimo, e muitos acham que a gripe sumiu, mas ela está ai, matando como sempre. O problema é que a polêmica da vez é Pedofilia e Igreja Católica. Amanhã será o que? Amanhã você esquecerá deste problema também? Será que somos bonequinhos manipulados pela mídia? Pensemos seriamente nisso.

Graça e Paz!


Ações

Informação

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: